quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

ESPIRITISMO KARDECISTA E A ORIGEM DO HOMEM

Por: João Flávio Martinês

T
emos observado que o Espiritismo Kardecista, por se considerar uma ciência (o que é pura mentira), ensina seus adeptos ser a Bíblia mentirosa no que se refere à origem do homem. Como dizem os espíritas e infelizmente uma quantidade considerável de professores "cristaos" em seminários católicos e evangélicos, o homem foi o produto da evolução, ou seja, do macaco. Para comentar essa heresia, que se fosse verdadeira reduziria a nada o surgimento do pecado na humanidade e o posterior sacrifício de Jesus, João Flávio Martinez, presidente do CACP - Centro Apologético Cristão de Pesquisas, faz uma excelente defesa da fé cristã, a qual recomendamos a leitura extraída de seu site, indicado no final da matéria.

A PALAVRA DO ESPIRITISMO
"Da semelhança, que há, de formas exteriores entre o corpo do homem e do macaco, concluíram alguns fisiologistas que o primeiro é apenas uma transformação do segundo. Nada aí há de impossível, nem o que, se assim for, afete a dignidade do homem. Bem pode dar-se que corpos de macaco tenham servido de vestidura dos primeiros espíritos humanos, forçosamente pouco adiantados, que viessem encarnar na Terra, sendo essa vestidura mais apropriada às suas necessidades e mais adequadas ao exercício de suas faculdades, do que o corpo de qualquer outro animal. Em vez de se fazer para o espírito um invólucro especial, ele teria achado um já pronto. VESTIU-SE ENTÃO DAS PELE DE MACACO, sem deixar de ser espírito humano, como o homem não raro se reveste da pele de certos animais, sem deixar de ser homem" - A Gênese, Allan Kardec, FEB, Rio de Janeiro, 1985, 28a ed., p. 212.
Allan Kardec, como se vê, ficou muito impressionado com a teoria revolucionista do seu contemporâneo inglês Charles Robert Darwin (1809-1882), e resolveu incluí-la na codificação do Espiritismo. Seus adeptos seguiram-lhe os passos. O espírita Alexandre Dias, no livro Contribuições para o Espiritismo (2a ed., Rio de Janeiro, 1950, a partir da p. 19), além de corroborar o pensamento kardecista, acrescentou que antes de serem macacos, os homens foram um mineral qualquer, ou seja, uma pedra ou um tijolo. Não apenas isso:
"A espécie humana provém material e espiritualmente da pedra bruta, das plantas, dos peixes, dos quadrúpedes, do mono (macaco). E, de homem, ascenderá a espírito, a anjo, indo povoar mundos superiores..." - (Leopoldo Machado, Revista Internacional do Espiritismo, 1941, Matão, SP, p. 193).
"A espécie humana não começou por um só homem. Aquele a quem chamais Adão não foi o primeiro nem o único a povoar a Terra" - Livro dos Espíritos, Allan Kardec, resposta à pergunta número 50.
A PALAVRA DO CRISTIANISMO

A teoria da seleção natural das espécies é contrária ao que ensina a Bíblia Sagrada. Esta teoria diabólica que incorpora o pensamento panteísta (Deus é tudo em todos) é a negação do Deus criador de todas as coisas. "NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA". É assim que inicia o primeiro livro da Bíblia, Gênesis, escrito por Moisés. Com a Sua palavra, Deus criou a luz, as águas, o firmamento, a parte seca (a terra), a relva e árvores frutíferas para "darem frutos segundo a sua espécie"; depois produziu os astros luminosos para iluminarem a terra; produziu os peixes e as aves, segundo suas espécies; produziu Deus os animais domésticos, répteis e animais selvagens conforme a sua espécie.
"Então disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; domine ele sobre os animais domésticos, sobre toda a terra, e sobre todos os répteis que se arrastam sobre a terra. Formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou-lhe nas narinas o fôlego da vida, e o homem tornou-se alma vivente. Assim Deus criou o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; macho e fêmea os criou. Viu Deus que tudo o que tinha feito, e que era muito bom" - Gênesis 1 e 2."Porque primeiro foi formado Adão, depois Eva" - 1 Timóteo 2.13.
Como vimos, depois de fazer a terra e os céus, Deus criou as matas, as árvores frutíferas, os animais, e, enfim, o homem. O sopro de Deus no homem formado do pó representa que a vida é um dom de Deus; que o homem foi criado para ser moralmente semelhante a Deus, como expressão do seu amor e glória; para ter permanente comunhão com Deus. Portanto, não tem respaldo das Sagradas Escrituras a afirmação de que a alma humana encontrou morada primeiramente em animais, e que o homem é conseqüência de uma seleção natural das espécies. O Senhor Jesus legitima o livro de Gênesis, ao dizer:
"Não leste que no princípio o Criador os fez macho e fêmea"? - Mateus 19:4, 5.
Como poderia a alma humana, nascida do sopro de Deus, haver se instalado no macaco, criado antes do homem? Por que então afirmar que espiritismo e cristianismo ensinam a mesma coisa? Proselitismo, engodo, mentira, hipocrisia ou leviandade? Moisés teria escrito uma asneira? Mas como, se o espiritismo diz que Moisés foi a Primeira Revelação de Deus? Se as revelações de Deus não sabem o que afirmam ou mentem, a Terceira Revelação, o espiritismo, seria uma exceção?

Fonte: CACP

4 comentários:

mity disse...

Gostaria de saber porque os Evangelicos , que se dizem seguidores dos ensinamentos deCristo , que nunca atacou a ninguem, estão sempre a atacar o Espiritismo, e mais absurdo he que colocam sites dizendo-se Espiritas para falar um monte de baboseiras que nao fazem sentido, isso he muito triste, Jesus nos ensina conheças a verdade e ela vos libertara, nao falou Imponha a verdade e ela vos libertara, e o que vcs fazem he impor suas convicções, deixem que cada individuo escolha, ofereçam o que vcs tem como certo , mas nao ataquem a quem nao ataca vcs.

IGREJA BATISTA BERÉIA disse...

Graça e paz Mity.
O texto está mostrando uma verdade à luz da Bíblia e como você mesmo falou a Verdade liberta. Mas, para que se conheça a verdade ela precisa ser revelada, ou melhor exposta para que todos a conheçam. E é o que o texto se propõe a fazer.
Fique na Paz!
Pr. Silas

Leandro P. Silva disse...

Ilustríssimo Pastor, bem sabeis que a Bíblia é tida como algo sagrado e, sendo assim, como tudo que é santo, indiscutível. Os Livros que a compõem, no entanto, são escritos quase que em sua integralidade em axiomas metafóricos, fazendo com que, além de fé, o devoto leitor também tenha a capacidade cognitiva suficiente para interpretá-la nas formas histórica, teleológica e sistemática, prescindindo, assim, do sentido meramente literal que da leitura possa decorrer. Há também, hodiernamente, a necessidade premente de contextualizar o texto sagrado com os demais conhecimentos erigidos pela humanidade. Destarte, caríssimo Pastor, somente amparado por algo maior que a mera interpretação literal da bíblia é que, oportunamente, poderá tecer críticas a uma religião que sequer a conhece, pois se a conhecesse, indubitavelmente, estaria a PAR de todas as inovações científicas quanto a evolução do homem, a saber, dentre tantas matérias existentes, exemplifico por esta: http://noticias.uol.com.br/ultnot/reuters/2004/05/26/ult27u42321.jhtm, dentre outras, que afirmam, por meios científicos probatórios, que o homem possui uma diferença genética com o chipanzé de apenas 1,5%. Ademais, a mesma ciência que você despreza e que o Espiritismo se utiliza para fundamentar suas teses, é a que você utiliza para ler esta mensagem, pois foi da ciência que originou-se o seu Personal Computer. Por derradeiro, olvidar-se da ciência em questões religiosas já teve a sua época, afinal não estamos mais na Idade Média; a fé não mais é algo que se deve impor, mas sim entendida a luz de todos os ensinamentos e, somente assim, reverenciada. “Em Espiritismo a Filosofia Indaga, a Ciência Comprova e o Evangelho Ilumina” – “Fé inabalável só o é a que pode encarar de frente a razão, em todas as épocas da Humanidade”. Allan Kardec.

Sérgio Geraldo dos Santos disse...

Conheço o Espiritismo e digo a verdade aprendi muito e graças a Deus e Jesus nosso querido irmão minha vida mudou muito e me ensinou a viver em harmonia com os outros e o melhor do Espiritismo e não proibir as pessoas de frequentar estabelecimentos de outras religiões o principal objetivo é "Amar a Deus sobre todas as coisas a ao próximo como a si mesmo"

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails